[ editar artigo]

Inteligência Artificial e reconhecimento facial a serviço da segurança

Inteligência Artificial e reconhecimento facial a serviço da segurança

O uso de reconhecimento facial ajudou a justiça de Salvador a prender um foragido no carnaval de 2019. Esse caso se tornou notório e uma tecnologia semelhante foi utilizada no carnaval desse ano em São Paulo, no qual a imagens das câmeras foram comparadas a um banco de dados com mais de 30 milhões de fotografias de suspeitos contribuindo para ampliar a segurança dos foliões. 

No setor de segurança as câmeras videomonitoramento, que são base para o funcionamento do reconhecimento facial, são os produtos mais vendidos do setor. Segundo a Abese, o setor de segurança terá um crescimento de 12% em 2020, percentual que representa 7 bilhões reais a mais do que foi faturado em 2019. Tal fato mostra que será cada vez mais comum o uso dessa tecnologia em grandes eventos.

Além de fornecer formas de melhorar a segurança em grandes eventos, o reconhecimento facial tem sido utilizado para fornecer ferramentas modernas para agências globais  para que elas possam reconhecer vítimas e combater a redes ligadas ao tráfego humano. Neste sentido a Marinus Analytics, criou o Traffic Jam, uma aplicação capaz realizar a pesquisa das fotos de vítimas automaticamente em milhões de registros o que permitiu agilizar o trabalho dos investigadores, que antes realizavam toda essa pesquisa e comparação de imagens manualmente. 

Os casos de sucesso do uso do reconhecimento facial não estão só relacionados as agências ligadas segurança pública, as grandes empresas como a Uber têm se beneficiado do uso dessa tecnologia. A empresa buscou ampliar sua segurança de login adicionando tecnologia de correspondência de fotos, onde para ter acesso a plataforma os motoristas parceiros deveriam tirar uma selfie para que a mesma fosse comparada com a foto cadastrada do motorista.

Ao implementar essa nova medida de segurança, a Uber estabeleceu uma nova era de conexão com seus motoristas e aumentou a sua confiabilidade de segurança com tecnologias inovadoras como reconhecimento facial, o que abre oportunidades e possibilidades no uso de uma segurança moderna. 

Futuro dos Negócios
José Roberto Madureira Junior
José Roberto Madureira Junior Seguir

Consultor na área de Tecnologia da Informação. Pesquisador em Inteligência Artificial e professor de cursos técnicos e tecnológicos no Centro Paulo Souza.

Ler conteúdo completo
Indicados para você