[ editar artigo]

SERENDIPIDADE: Abertura ao inesperado!

SERENDIPIDADE: Abertura ao inesperado!

- Chance, Surpresa, Olhar puro, Ooops!

- Serendipidade significa um "acidente feliz" ou "surpresa agradável"; especificamente, o acidente de encontrar algo bom ou útil sem procurá-lo.

Como o ACASO ocorre?

De repente - Muito rápido - Inesperadamente

Preste muita atenção em tudo o que você está fazendo.

O acaso, embora rápido, é sutil e você pode ignorá-lo.

Esteja aberto a novas soluções e experiências.

- O que fazer quando isso ocorrer?

Aproveite a oportunidade! - Aprecie! - Sorria, é tão bom!

- Abrace a sua boa sorte! - Deleite-se! - Lembre-se: respire !!

Pare e documente o que aconteceu.

E acima de tudo, não tenha medo.

Segue um trecho do "Capítulo 11 - O que o empreendedor precisa saber sobre Criatividade e Inovação", por Martha Terenzzo, do livro "Empreendedorismo Inovador: Como criar startups de tecnologia no Brasil", 25 autores, Editora Évora. 

Conto de fadas: "Os três principes de Serendip"

"Para entender a diferença entre criatividade e inovação, é importante saber o significado de serendipidade.

O termo advém de um conto de fadas persa chamado “Os três príncipes das Serendip” (do árabe Sarandíb), que é a denominação de um antigo país, antes conhecido como Ceilão e onde hoje é a Sri Lanka, uma ilha a leste da Índia, na Ásia.

É por meio desse conto que iniciei a minha descoberta sobre a criatividade e a inovação. Segundo a fábula, o rei de Serendip, antes de falecer, chamou seus três filhos para transferir o poder e dizer que havia um grande tesouro muito próximo da superfície em suas terras.

Os três príncipes mobilizaram os homens do reino para cavar a terra, mas após anos e anos, não encontraram nenhum tesouro. Porem, a terra revolvida resultou nas colheitas mais prósperas de toda a história daquele reino. No lugar do tesouro, tiveram colheitas abundantes.

Muitas descobertas são atribuídas ao acaso, mas muitas, ao fenômeno da serendipidade. Em seu livro Seeds of Discovery (Semeaduras da descoberta científica), o economista indiano William Beveridge distingue três diferentes tipos de descobertas ocasionais: intuição a partir de justaposição de ideias, intuição do tipo eureca e serendipitismo. Em 1754, Horace Walpole, escritor e político inglês, usou a expressão para as descobertas ocasionais diferentes daquelas que estavam sendo buscadas.

Há serendipidades científicas famosas, tais como o banho de Arquimedes, a maçã de Newton e o post-it, de Art Fry, que em 1970 descobriu por acaso, esse artefato que usamos tanto para brainstorming e outras técnicas de ideação que veremos mais a frente; bem como há serendipidades históricas conhecidas como a viagem de Cristóvão Colombo, que encontrou um novo continente enquanto procurava a Índia.

Descobri que fenômenos, um evento, uma observação, são detectados facilmente quando nossas mentes estão preparadas e, por isso, interpretamos adequadamente esses fatos. Dessa forma, podemos gerar descobertas, invenções, teorias e novos conhecimentos para a comunidade em que estamos inseridos."

Referência:

TERENZZO, M. O que o empreendedor precisa saber sobre Criatividade e Inovação. In: GRANDO, N. (ORG). Empreendedorismo inovador: Como criar Startups de Tecnologia no Brasil. São Paulo, Editora Évora, cap.11, p.220-221, 2012. 

Futuro dos Negócios
Nei Grando
Nei Grando Seguir

Com um olhar no futuro, sou apaixonado por tecnologia e entusiasta de negócios. Mentor, palestrante, consultor, ... Tive duas empresas de TI, sou mestre em ciências (FEA-USP) com MBA (FGV), organizador e autor do livro Empreendedorismo Inovador.

Ler conteúdo completo
Indicados para você