[ editar artigo]

Software WMS aumenta eficácia dos processos da logística de armazéns

Software WMS aumenta eficácia dos processos da logística de armazéns

O WMS, sigla em inglês para Sistema de Gerenciamento de Armazém, promete mais eficiência nos processos de logística de armazéns, sendo um aliado de empresas com grandes estoques e diversos pedidos no E-commerce. O WMS é um software completo, o qual atua na logística de ponta a ponta, desde o agendamento até a chegada de mercadorias ao comprador.

Tudo isso ocorre dentro de um sistema integrado, onde os gerentes conseguem acompanhar a situação de cada produto. Assim, desenvolvem melhores estratégias para vendas e evitam as dores de cabeça do trabalho em armazém.  Pode ser usado em qualquer empresa, independente do seu porte.

O analista de projetos na e-Ship Tecnologia Logística, Lucas Vaz Ribeiro, explica que entre os principais benefícios do WMS no dia a dia da empresa estão o controle dos processos logísticos e maior gestão operacional. “O sistema dá ferramentas para auxiliar na performance do armazém, o que traz maior segurança para os clientes, já que o WMS permite criar diferente processos de forma personalizada, com controle robusto do estoque, redução no tempo de espera entre os processos, melhor gestão da disponibilidade do estoque, possibilita, ainda, ter uma redução no custo de mão de obra e maior agilidade na execução das atividades.”

O software foi feito para administrar as atividades, produtos e equipes de um depósito. Com isso, ajuda no gerenciamento de informações de estoque, sendo primordial em todas as etapas da logística. Com ele é possível sistematizar a chegada, fazer inventário, picking, expedição de pedidos, alocação, reposição e otimização do espaço. Dessa forma, ele mostra aos gestores a quantidade de itens e sua localização exata, assim como onde as mercadorias se encontram durante os vários momentos do processo logístico. “Implementar o WMS melhora todos os processos, garantindo rastreabilidade e aumento da produtividade de todos os setores da instituição. E ele é de fácil de lidar, você o conecta a uma rede móvel e acompanha as etapas em que cada produto está passando. Isso acontece porque o WMS atribui um código para cada mercadoria, chamado SKU, sigla para Unidade de Controle de Estoque. Com isso, se o produto entra no inventário, ele recebe um código próprio, que reúne informações relevantes, como data de validade e lote”, cita Vaz Ribeiro.

WMS evita prejuízos

Com o WMS se tem o controle de todos os processos de logística, sabendo exatamente como está o estoque em tempo real, evitando atrasos por não localizar os produtos. Sem contar que o sistema permite aumentar a capacidade operacional, proporcionando maior lucratividade e redução de custos dos processos que antes eram feitos de forma manual. Para o analista de projetos na e-Ship Tecnologia Logística, “O WMS evita prejuízos e as dores de cabeça pelo extravio de um produto ou qualquer outro tipo de retrabalho”.

Futuro dos Negócios
Bayer, Campos Comunicação
Bayer, Campos Comunicação Seguir

A Bayer, Campos Comunicação é formada por profissionais com larga experiência no mercado. É especialista em comunicação empresarial e mídias sociais.

Ler conteúdo completo
Indicados para você