[ editar artigo]

Um Radar para checar a Startup

Um Radar para checar a Startup

Startups são fontes de criação de futuros desejáveis para seus negócios, pois estão sempre buscando utilizar novos métodos, técnicas e ferramentas em seu empreendedorismo inovador.

Este quadro (canvas) de Diagnóstico (*2) é um radar que ajuda a melhorar a precisão na avaliação do potencial de uma ideia de negócio de uma startup em suas fases iniciais, do conceito até a entrada no mercado. Ele complementa a visão holística do negócio fornecida pelo canvas de modelagem de negócios.

Segue a descrição da estrutura do “Diagnóstico Bell-Mason”, incrivelmente sucinta e completa que Gordon Bell (*1) projetou para avaliar sistematicamente se a ideia de negócio que você está considerando vale a pena apostar seu tempo, carreira e recursos. Adaptei para um canvas que pode ser usado por um mentor, um investidor ou o próprio empreendedor para avaliar a sua ideia em 12 dimensões que se enquadram em quatro categorias:

TECNOLOGIA/PRODUTO, com: Tecnologia, Produto e Fabricação

Tecnologia: A empresa possui uma vantagem tecnológica mensurável e defensável?

Produto: O produto possui recursos ou benefícios bem definidos e superiores?

Fabricação: Existe um processo ou pelo menos um plano para fabricar a um preço competitivo (terceirizar e autoproduzir as coisas certas)?

MARKETING/VENDAS, com: Plano de Negócios, Marketing e Vendas

Plano de negócios: a empresa possui um bom plano para os dois primeiros anos (o mínimo aqui é um modelo de negócios com um documento descritivo, para começar)?

Marketing: A empresa possui um plano de marketing bem pensado (estratégico e tático) com a equipe para executá-lo?[Nos primeiros estágios, devemos considerar aqui também os contatos/visitas que foram feitos durante o Desenvolvimento do Cliente em paralelo ao desenvolvimento do produto]

Vendas: a empresa possui um plano de vendas que faz sentido e um líder de vendas com histórico comprovado e compreensão do espaço?

PESSOAS, com: CEO , Equipe e Conselho de Administração

CEO: O CEO tem caráter, energia e inteligência para fazer isso acontecer?

Equipe: a equipe de topo é composta por pessoas de alta qualidade, com a experiência e os conhecimentos certos?

Conselho de administração: o conselho de administração traz a experiência e os conhecimentos certos e está desempenhando o papel certo (ou seja, agindo como advogados e não como tomadores de decisão corporativos)?

FINANÇAS/CONTROLE, com: Dinheiro (em caixa), Finanças e Operações

Dinheiro (em caixa): a empresa tem dinheiro para concluir a atual fase planejada e começar a próxima enquanto procura sua próxima rodada de financiamento?

Finanças (potencial para investimentos): Com base no espaço de mercado, estágio da empresa, produto, etc., existem vários investidores que estariam prontos para investir na próxima rodada de financiamento?

Operações (controle): a empresa possui controle adequado sobre a execução (por exemplo, cronogramas claros, objetivos, revisões)?

Dê a si mesmo um sim ou não para cada um deles. Some os seus sim e você terá uma noção se faz sentido avançar.

Descubra o que você precisa fazer para transformar seus números em sim.

Quanto ao Estágio da Startup, aqui (para simplificar) estamos considerando:

  1. Conceito – Está amadurecendo a ideia do negócio, identificando o real problema e possível solução, equipe, parceiros, mentores, …
  2. Semente – Está com equipe, começando a desenvolver e testar o MVP e ajustando o a solução ao problema.
  3. Produto – Está com o MVP em amadurecimento, primeiros clientes, ajustando a solução ao mercado.
  4. Mercado – Lançamento do produto, Início de marketing/vendas, estruturação e crescimento da empresa.

Notas:

*1 – Gordon Bell ajudou a fundar a divisão de pesquisa da Microsoft (Microsoft Research), que agora, com mais de 1.000 cientistas realizando pesquisas primárias em todo o mundo, rivaliza com o poder de pesquisa da maioria das universidades. Ele iniciou sua carreira na Digital Equipment Corporation (DEC), onde trabalhou em muitas das inovações mais críticas que moldariam a computação. Ao longo do caminho, ele passou anos como empresário ativo e investidor de capital de risco.

*2 – Arquivo na versão PDF do Quadro (canvas) de Diagnóstico para Startups - download.

*3 – Planilha (MS Excel) de apoio ao Diagnóstico (conforme o canvas) – download.

*4 – Imprima este post para usar com o canvas de diagnóstico acima.

*5 – Observação: Para simplificar o uso, o método não apresenta alguns elementos de forma explícita, por isso parece-nos que precisa de mais Dimensões, mas eles podem ser considerados implícitos nas dimensões apresentadas. Por exemplo: A Comunicação pode ser tratada na dimensão Marketing. Assim como Precificação (pricing), pode ser tratado em Produto ou Marketing. Tempo, deve ser considerado na velocidade de mudança dos estágios, pois Tomada de Decisão e Execução precisam ser muito ágeis no contexto das Startups. O “Plano de Negócios” que é essencial para a preparação do Pitch Deck, deve ser simples, claro e objetivo – fornecendo uma visão do todo e explicando resumidamente seus elementos, incluindo os não contidos nas 12 dimensões deste Diagnóstico.

Agradeço desde já seu comentário incentivador para melhoria deste material.

Se precisar de ajuda entre em contato. Se gostou, por favor, compartilhe.

Abraço, Ɲεi Ԍяαn∂σ (@neigrando)

Futuro dos Negócios
Nei Grando
Nei Grando Seguir

Com um olhar no futuro, sou apaixonado por tecnologia e entusiasta de negócios. Mentor, palestrante, consultor, ... Tive duas empresas de TI, sou mestre em ciências (FEA-USP) com MBA (FGV), organizador e autor do livro Empreendedorismo Inovador.

Ler conteúdo completo
Indicados para você