[ editar artigo]

4.0 para indústrias, empresas e quaisquer seguimentos

4.0 para indústrias, empresas e quaisquer seguimentos

 

Importante dizer que Indústria 4.0 não é peculiar somente às indústrias por carregar a terminologia em seu nome. Indústria 4.0 tem como objetivo a fusão de conceitos físicos (máquinas e processos) e digitais (dados), tendo a informação como grande valor gerado. 

A grande sacada é abstrair dados, entendê-los e, com estas informações, decidir caminhos a tomar, objetivando uma melhor produtividade. 

Porém, existe uma ideia que Indústria 4.0 não se aplica a quaisquer empresas e serviços, sendo voltada para grandes empresas com imensas linhas de montagem. 

Sendo seu negócio um gerador de dados ou tendo processos envolvidos, é possível utilizar-se do conceito 4.0.  

Se você gasta 5 minutos executando um processo de forma analógica e encontra maneiras de otimizá-lo, já está aplicando 4.0. O próximo passo é minerar informações e entender mais sobre o mesmo. Em resumo, você aplica uma camada de tecnologia em pontos offline do seu negócio. 

Entretanto, é prudente esclarecer que nem tudo é necessário tecnologicar, analogia ao termo gourmetizar. Nos tempos de super aplicativos, ser analógico em alguns aspectos pode ser um diferencial em meio a tanta competitividade e atenção pelo cliente.

Indústria do Amanhã

Futuro dos Negócios
Gefferson Vivan
Gefferson Vivan Seguir

Gestor de projetos, escritor do breve livro: Indústria 4.0 para negócios - Como empresas podem lucrar com a Quarta Revolução industrial, e um dos responsáveis pela disseminação da cultura Indústria 4.0 no sul do país.

Ler conteúdo completo
Indicados para você