[ editar artigo]

Home Office: maioria trabalha mais e não consegue separar tempo para descanso

Home Office: maioria trabalha mais e não consegue separar tempo para descanso

 

Como vai o home office?

Uma pesquisa realizada pelo Banco Original entre 8 e 15 de abril com 695 moradores do estado de São Paulo que aderiram ao trabalho remoto durante a quarentena, aponta que

✅ 76% dos entrevistados consideram que a adaptação ao home office transcorreu de forma tranquila.

No entanto...
🛑 59% afirmam que têm trabalhado muito mais horas diárias e
🛑 59% avaliam a experiência como muito cansativa.

Além disso...
🛑 52% consideram que perderam a noção de tempo para descanso (noite, finais de semana, etc) e
🛑 78% acreditam que a experiência poderia ser melhor se não estivessem em uma situação de crise.

Devemos considerar, entretanto, que além da transição para home office ter sido feita de forma abrupta, existem inúmeros outros desafios específicos que dificultam a situação atual —

1) atipicamente, o trabalho está sendo 100% home office online;

2) o stress da pandemia e do isolamento social prejudica a saúde mental, necessitando de cuidados adicionais para manter o equilíbrio; e

3) devido ao lockdown geral, em uma família com filhos pequenos, por exemplo, acumulam-se e intensificam-se inúmeras funções simultâneas full time, que acontecem em ritmos e com atribuições diferentes do que numa rotina familiar padrão.

Assim, a experiência de home office do futuro tende a ser bem melhor do que a atual.

E você? #desafio >>> defina como está o seu home office em até 3 palavras 💪🏻 

Futuro dos Negócios
Ler conteúdo completo
Indicados para você